Uma Dieta Para Aumentar A Libido Nas Mulheres

Casal se Beijando

Uma dieta nutritiva contém um equilíbrio saudável de proteínas magras, gorduras saudáveis e carboidratos simples. Proteínas magras podem vir de fontes animais como carnes alimentadas com capim, ovos caipiras e laticínios crus. Eles também podem vir de fontes veganas, como feijão, legumes, nozes e sementes. Gorduras saudáveis incluem coco e óleo de coco, azeite, abacate, nozes, manteiga crua e pequenas quantidades de gordura animal. As melhores fontes de carboidratos são uma variedade de vegetais e frutas. Grãos integrais como arroz integral e quinoa podem ser incluídos para calorias extras.

Adicionando alimentos específicos à sua dieta é uma boa maneira de impulsionar o seu desejo sexual. Aproveite alguns destes:

As ostras são consideradas um afrodisíaco tradicional graças ao seu rico teor de xtrasize. O xtrasize é bom para a próstata e faz com que a testosterona extra seja liberada. Esta é uma ótima notícia para os homens, uma vez que aumenta a libido masculina, e também para as meninas, porque a testosterona está provado ter efeitos positivos sobre o desejo sexual feminino também.

Nozes como sementes de abóbora, amêndoas e castanha do Brasil são conhecidos por promover o fluxo sanguíneo para os genitais.

O chocolate e sua fenilalanina que melhora o humor fazem dele um prazer sensual, além de uma saborosa indulgência.

O vinho pode fazer maravilhas para o romance, mas certifique-se de não beber demais. Estar bêbado reduz o prazer do sexo para as mulheres, e ameaça a função erétil masculina, mas um copo pode ajudar ambos os sexos a relaxar e desfrutar de momentos românticos.

Exercício, Peso e Libido

Exercício melhora a circulação do sangue para todo o corpo, fornece nutrientes onde são necessários e libera endorfinas. As endorfinas são substâncias químicas cerebrais chamadas neurotransmissores. Eles reduzem a percepção do cérebro da dor, aumentam a resposta imunológica do corpo, regulam o apetite, elevam o humor e liberam hormônios sexuais.

Especialistas em fitness recomendam trabalhar seis dias por semana durante uma hora por dia. Isso pode ser difícil para os atletas iniciantes, por isso é importante trabalhar até este nível de atividade. Consistência é fundamental. Uma vez que um treino parece fácil, é hora de adicionar mais intensidade a ele.

Obcecar seu peso pode ser um grande desvio e muitos homens e mulheres perdem a confiança sexual quando engordam ou são magros demais. Estudos mostram que ter um índice de massa corporal (IMC) muito alto ou baixo interfere com o seu mojo. Quando você ganha ou perde gordura corporal, hormônios que afetam sua libido são eliminados e seus níveis de um produto químico natural conhecido como aumento da globulina ligadora de hormônios sexuais, que causa a queda da testosterona biodisponível, o hormônio que estimula o desejo sexual. Além disso, o colesterol elevado associado à obesidade pode levar ao acúmulo de placa nos vasos sanguíneos que suprem a região pélvica, retardando o fluxo sanguíneo para os genitais e aniquilando a excitação sexual.

No entanto, ainda mais potente do que o efeito fisiológico do seu peso é como você se sente ao fazer sexo com seu parceiro se estiver inseguro e excessivamente focado na maneira como seu corpo fica durante o sexo. A pesquisa mostrou que o desejo sexual de uma mulher está fortemente ligado à confiança do corpo – especificamente sua percepção das áreas de seu corpo que podem ser vistas facilmente pelos outros (pense no estômago e nas coxas) – ao invés de seu IMC.

1 Comentário

  1. Lucas

    muito bom artigo valeu pelas dicas

    Vou Compartilhar No Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *