Dicas

Como se planejar na carreira de jogador de futebol

Como se planejar na carreira de jogador de futebol

Todo garoto sonha em jogar profissionalmente pelo seu time do coração e marcar um gol pela Seleção Brasileira na Copa do Mundo. No entanto, a minoria consegue realizar pelo menos um desses sonhos e, mesmo aqueles que chegam a ser profissionais, não conseguem ter uma carreira duradoura. Para poder aumentar as chances de sucesso, é essencial saber como se planejar na carreira de jogador de futebol.

Atualmente, de acordo com dados da própria CBF, mais de 95% de todos os jogadores de futebol profissionais recebem até R$5.000,00 de salário, com 82,40% do total (ou 23.238 atletas) recebendo somente até R$1.000,00 de salário. O sonho de ganhar milhares e milhares de reais é reservado a uma minoria. Para se ter uma noção, somente 725 atletas profissionais ganham, hoje, mais do que R$10.000,00 por mês. Se formos avaliar, mais de 725 crianças entram, por ano, no sistema de categoria de base de somente um clube profissional de médio porte.

Por isso, é essencial saber como se planejar na carreira de jogador de futebol para garantir as suas chances de sucesso no esporte profissional. Quer saber como fazer esse planejamento? Então siga a leitura abaixo!

Como se planejar na carreira de jogador de futebol em 5 passos

1. Desenvolva os aspectos técnicos

Um jogador de futebol precisa ter os aspectos técnicos em ordem para poder aproveitar as oportunidades que receber. Basicamente, é seguro dizer que um aspirante a atleta profissional receberá algumas oportunidades-chave em sua vida.

Serão alguns treinos na categoria de base de um time grande, algumas chances de mostrar valor, poucos torneios. Esses serão os jogos mais importantes de sua vida, pois serão aqueles em que poucas oportunidades aparecerão e, quando aparecerem, não poderão ser desperdiçadas.

Ter bons fundamentos técnicos é essencial para poder fazer o melhor possível nessas ocasiões e aproveitar as oportunidades que surgirem na sua vida.

2. Estude tática desde cedo

Hoje em dia, o futebol está muito mais tático do que antes. Enquanto na Europa é impensável um atleta sem noções táticas, no Brasil ainda há espaço para quem dependa apenas dos fundamentos técnicos.

No entanto, os jogadores que entendem mais de tática já começam a se sobressair, mesmo que não tenham os mesmos talentos que seus concorrentes. Por isso, é essencial dominar aspectos táticos para se tornar um dos favoritos do treinador e ter mais oportunidades de jogo.

3. Tenha um plano de carreira

Um erro comum que muitos atletas de futebol cometem é começar com destaque em um clube do Brasil, fazer um bom campeonato estadual ou nacional e então aceitar ser vendido para um time de pouca vitrine no Leste da Europa ou no Oriente Médio.

Esse plano de carreira tem problemas pois reduz a visibilidade do atleta bem no momento de maior impulso. Por isso, é preferível rejeitar propostas de clubes com pouca visibilidade para ficar mais anos no Brasil e então sair para um lugar maior.

No entanto, isso só pode ser alcançado com um bom plano de carreira, que tenha metas de longo prazo bem definidas, tanto financeiras, quanto esportivas.

4. Conte com suporte jurídico

Um atleta profissional precisa contar com o apoio de advogados especializados em Direito Desportivo. Isso é essencial pois garante proteção contra cláusulas ilegais em contratos e impede que diretores hajam de maneira injusta com os profissionais.

Lembre-se de que a minoria dos atletas consegue ter exposição na mídia para resolver casos do tipo. A maioria dos jogadores depende da proteção da Lei para não serem passados para trás.

5. Tenha um plano financeiro

Por fim, é essencial que todo jogador de futebol tenha um plano financeiro para a sua carreira. Isso inclui aproveitar bem o dinheiro que ganhará atuando profissionalmente, já que a sua carreira é curta. Pense, por exemplo, em um jogador como o Kaká. Sua estreia profissional foi em 2001 e sua aposentadoria foi em 2017. Ele teve, portanto, 16 anos de carreira, que foi até que longeva para os padrões nacionais. Nesse tempo, é essencial que o atleta tenha um plano de carreira para aproveitar bem o dinheiro ganho para os futuros anos de sua vida.

Essas dicas ajudarão a como se planejar na carreira de jogador de futebol e aumentar as chances de sucesso nessa área. É importante entender que não basta apenas se esforçar em campo, ter bons fundamentos técnicos e fazer boas decisões. É necessário fazer tudo isso e ainda ter um pouco de sorte de estar no lugar certo, na hora certa, para se tornar um profissional.

O sonho é difícil, claro, mas é possível. E aí, está pronto para iniciar a sua carreira? Conte abaixo qual é o seu time do coração!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.