Dinheiro e Negócios Finanças

Crédito negado mesmo com nome limpo? Saiba o motivo!

Crédito negado mesmo com nome limpo? Saiba o motivo!

“Estou com o nome limpo, mesmo assim tive uma solicitação de crédito negada. O que pode estar acontecendo? Tem algo que possa ser feito? É uma prática legal?”

Muitos consumidores reclamam, que mesmo com o nome limpo, tem dificuldades de conseguir uma resposta positiva para um pedido de crédito. Seja através de um financiamento com o banco, uma solicitação de empréstimo ou até mesmo com o pedido de um cartão de crédito.

Existem diversos critérios utilizados pelos bancos e financeiras para conceder o crédito para o consumidor, que vão além de consultar o CPF para ver se o nome está sujo.

Vamos falar um pouco sobre esses critérios que podem estar atrapalhando você a conseguir crédito, mas é preciso esclarecer que a concessão de crédito fica a critério do banco, de acordo com os mais diversos fatores da sua vida financeira. Portanto não é uma prática ilegal e o banco pode negar o crédito, mesmo que você esteja com o nome limpo.

Histórico financeiro

Antes de aprovar o crédito, bancos e financeiras analisam todo o histórico da sua vida financeira. Se você paga as suas contas em dia, se tem solicitado crédito com frequência, dívidas que você não pagou (falaremos sobre isso logo abaixo).

Se o seu nome acabou de ficar limpo, é pouco provável que consiga crédito de imediato. Você vai precisar ir aos poucos construindo uma nova reputação, de bom pagador, para ter novamente acesso ao crédito.

Dívida que caducou

Quando você não paga uma dívida, após algum tempo (geralmente entre 30 a 90 dias) o seu nome vai para os Órgãos de Proteção ao Crédito, como Serasa, SPC e SCPC.

Após 5 anos, o nome sai desses cadastros automaticamente, o que chamamos de dívida que caducou. Mas infelizmente não é tão simples assim. Os bancos e financeiras têm acesso a essa informação, quando isso acontece você fica com uma espécie de restrição interna entre os bancos.

Isso sim é uma prática ilegal, mas quando o crédito é negado, o banco não é obrigado a te informar o motivo.

calculadora

Score de crédito

O Score de crédito é uma pontuação que foi criada pelo Serasa, que varia de 0 a 1000 pontos e avalia quais as chances de você não pagar uma dívida.

Segundo o Serasa, o Score funciona da seguinte maneira:

  • De 0 a 300 pontos – Grande risco de inadimplência
  • Entre 300 a 700 pontos – Médio risco de inadimplência
  • Entre 700 e 1000 pontos – Baixo risco de inadimplência

Portanto ao menos na teoria, ter um Score de Crédito acima de 700 pontos seria o ideal para que bancos e financeiras possam confiar em você para conceder crédito.

Se o seu nome acabou de ficar limpo, é bem provável que esteja com o a pontuação muito baixa no Score. Com a aprovação da nova lei do Cadastro Positivo, agora as suas informações de pagamento são compartilhadas.

Para conseguir aumentar essa pontuação, é muito importante que você pague as contas em dia, mas leva algum tempo, você não consegue aumentar o Score de forma imediata.

Renda incompatível

Por fim, mas que também acontece com frequência, é quando o consumidor deseja comprar um produto, incompatível com sua renda, segundo os critérios utilizados pelos bancos e financeiras. Isso acontece muito na hora de tentar financiar um carro, geralmente a parcela não pode ultrapassar 30% da sua renda e o banco confere se você não tem financiamentos em outras instituições.

Para dar um exemplo, digamos que você deseja comprar um carro com uma parcela mensal de R$ 500,00. Você precisaria ter uma renda mínima de R$ 1.500,00 para ser aprovado, de preferência ainda maior.

Algumas dicas para voltar a ter crédito

Como destacamos em todo o texto, você precisa agora reconstruir a sua reputação, dessa vez como um bom pagador.

Comece pagando todas as suas contas em dia, incluindo conta de luz, conta de água, internet e todas as outras, de preferência com débito automático.

Utilize algum banco digital, com o Banco Inter por exemplo, para abrir uma conta gratuita e ter alguma movimentação financeira, no início recebendo um cartão apenas com a função débito.

Após algum tempo, em torno de 6 meses solicite a função crédito no cartão, a chance de ser aprovada é bem maior.

Gostou das dicas? Que tal compartilhar nas suas redes sociais para ajudar os amigos? Qualquer dúvida, deixe um comentário.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.